Artigo de Blogue

Todos os Artigos

Júri e Convidados dos Festivais em 2020

O júri do Queer Lisboa 24 é constituído por 12 elementos, responsáveis por atribuir os 5 prémios das 5 secções competitivas:
O júri da Competição de Longas-Metragens será composto por André Tecedeiro (artista plástico e poeta), Joana Ascensão (programadora Cinemateca Portuguesa), e Miguel Nunes (ator). O júri da Competição de Documentários será composto por Catarina Alves Costa (realizadora), Margarida Mercês de Mello (apresentadora RTP), e Paulo Pascoal (ator). As Competições de Curtas-Metragens e In My Shorts contam com José Magro (realizador), Ricardo Barbosa (ator) e Rita Natálio (artista e pesquisadora). Por fim, o júri da Competição Queer Art será composto por Hugo Dinis (curador), Sérgio Braz d’Almeida (DOP), e Sónia Baptista (coreógrafa e intérprete).
O júri do Queer Porto 6 é constituído por 3 elementos, responsáveis por atribuir os dois prémios das duas secções competitivas. Compõem o júri a jornalista Amanda Ribeiro, o ator e programador Daniel Gorjão, e o encenador e director artístico Francisco Alves. Serão os encarregados de avaliar a Competição Oficial e a Competição "In My Shorts" de Curtas-metragens de Escola Portuguesas.
Mesmo em ano de pandemia e de restrições de viagens, os Festivais vão contar com a presença de alguns convidades nacionais e internacionais, entre realizadorxs, produtorxs e demais profissionais da indústria do cinema.
Tucké Royale, Philipp Rühr e Anh Trieu chegam ao Queer Lisboa 24 desde Alemanha com a sua longa-metragem Neubau, vencedora este ano do Max Ophüls Prize.
No âmbito da Competição Queer Art, destaque para a visita a Lisboa da realizadora chilena Nicole Costa, com El Viaje de Monalisa, acompanhada pelo realizador espanhol Adrián Silvestre, quem já a dirigiu em Los Objetos Amorosos, filme com o qual conquistaram os Prémios de Melhor Longa-Metragem e Melhor Atriz no Queer Lisboa 20.
Da Competição de Filmes de Escola Europeus "In My Shorts", o festival contará com a presença do italiano Simone Bozzelli, que apresenta a curta-metragem "J'ador" após ter conquistado uma Menção Especial nesta mesma Competição em 2017 com "Loris Sta Bene". E da França recebemos a Olivier Cheval, para apresentar o seu primeiro filme "Rose Minitel. 
David Loira, bailarino galego residente em Berlim, chega ao Festival para apresentar a sua performance "Blondi".
Outres convidades juntam-se ao Festival de Lisboa para debater sobre diversos assuntos ligados aos filmes do programa. 

Para o debate "Lisboa Sem Sida: Liberdade, Participação e Ativismo", que contará com moderação de Sofia Crisóstomo, João Brito, recebemos como convidades a Maria José Campos, Paolo Gorgoni, Luma Andrade, Sérgio Vitorino e Pedro Silvério Marques.
E ainda para uma conversa à volta dos filmes da Jennifer Reeves, englobados no programa #memory do Queer Focus deste ano, recebemos a Fernanda Eugénio, diretora do AND Lab Arte-Pensamento e Políticas da Convivência, a Joana Menezes, da APAV – Associação Portuguesa de Apoio à Vítima, e a Sérgio Braz d’Almeida, fotógrafo, artista plástico e audiovisual que faz parte do Júry da Competição para Melhor Curta-Metragem. 
Já no Porto, o Festival vai receber a visita, desde Reino Unido, do programador convidado do Festival este ano, Sam Ashby, que irá manter uma conversa com a realizadora Liz Rosenfeld (estadunidense, mas residente em Berlim) na "Casa Comum" sobre o terceiro programa do #cruising, que faz parte do Queer Focus do Queer Porto 6.
Também para apresentar os seus filmes dentro do Queer Focus do Queer Porto 6, chega desde a Polónia o realizador Karol Radziszweski.
Já na Competição "In My Shorts" de Filmes de Escola Portugueses do Queer Porto 6, espera-se a presença de Ana Matos, Paulo Malafaya, Maria João Paiva, Ana Manana e Joana Lourenço.
Conheça melhor os júris do Queer Lisboa 24 e do Queer Porto 6 aqui.
A lista completa de convidades do Queer Lisboa 24 e Queer Porto 6 pode ser consultada aqui.

O júri do Queer Lisboa 24 é constituído por 12 elementos, responsáveis por atribuir os 5 prémios das 5 secções competitivas:

O júri da Competição de Longas-Metragens será composto por André Tecedeiro (artista plástico e poeta), Joana Ascensão (programadora Cinemateca Portuguesa), e Miguel Nunes (ator). O júri da Competição de Documentários será composto por Catarina Alves Costa (realizadora), Margarida Mercês de Mello (apresentadora RTP), e Paulo Pascoal (ator e activista). As Competições de Curtas-Metragens e In My Shorts contam com José Magro (realizador), Ricardo Barbosa (ator) e Rita Natálio (artista e pesquisadora). Por fim, o júri da Competição Queer Art será composto por Hugo Dinis (curador), Sérgio Braz d’Almeida (DOP), e Sónia Baptista (coreógrafa e dramaturga).

O júri do Queer Porto 6 é constituído por 3 elementos, responsáveis por atribuir os dois prémios das duas secções competitivas. Compõem o júri a jornalista Amanda Ribeiro, o ator e programador Daniel Gorjão, e o encenador e director artístico Francisco Alves. Serão os encarregados de avaliar a Competição Oficial e a Competição "In My Shorts" de Curtas-Metragens de Escola Portuguesas.

Os Festivais vão contar com a presença de alguns convidades nacionais e internacionais, entre realizadorxs, produtorxs e demais profissionais da indústria do cinema.

Tucké Royale, Philipp Rühr e Anh Trieu chegam ao Queer Lisboa 24 desde Alemanha com a sua longa-metragem Neubau, vencedora este ano do Max Ophüls Prize.

No âmbito da Competição Queer Art, destaque para a visita a Lisboa da realizadora chilena Nicole Costa, com El Viaje de Monalisa, acompanhada pelo realizador espanhol Adrián Silvestre, com quem já trabalhou em Los Objetos Amorosos, filme que conquistou os Prémios de Melhor Longa-Metragem e Melhor Atriz no Queer Lisboa 20.

Da Competição de Filmes de Escola Europeus "In My Shorts", o festival contará com a presença do francês Olivier Cheval, para apresentar o seu segundo filme Rose Minitel, e a Competição de Curtas-metragens com a presença de Roman Kané, que apresenta Extérieur Crépuscule.

David Loira, bailarino galego residente em Berlim, chega ao Festival para apresentar a sua performance Blondi, que se insere no programa #skin do Queer Focus deste ano. Também dentro desta Seção, contaremos com as participações, on-line, do realizador polaco Karol Radziszweski e da performer colombiana Nadia Granados.

Outres convidades juntam-se ao Festival de Lisboa para debater sobre diversos assuntos ligados aos filmes do programa. 
Para o debate "Lisboa Sem Sida: Liberdade, Participação e Ativismo", que contará com moderação de Sofia Crisóstomo e Luís Veríssimo, recebemos como convidades a Maria José Campos, Paolo Gorgoni, Luma Andrade, Sérgio Vitorino e Pedro Silvério Marques.

E ainda para uma conversa à volta dos filmes da Jennifer Reeves, englobados no programa #memory do Queer Focus deste ano, contaremos com a presença de Fernanda Eugénio, diretora do AND Lab Arte-Pensamento e Políticas da Convivência, de Joana Menezes, da APAV – Associação Portuguesa de Apoio à Vítima, e de Sérgio Braz d’Almeida, fotógrafo, artista plástico e audiovisual que faz parte do Júri da Competição Queer Art. 

Já no Porto, o Festival vai receber a visita, desde Reino Unido, do programador convidado deste ano, Sam Ashby, que irá manter uma conversa com a realizadora Liz Rosenfeld (estadounidense, mas residente em Berlim, e de quem vamos apresentar Fuck Tree em Lisboa e liz/james/stillholes no Porto) na "Casa Comum" sobre o terceiro programa dedicado ao #cruising, englobado no Queer Focus desta edição.

Também para apresentar os seus filmes Afterimages e Kisieland dentro dessa Secção, chega desde a Polónia o realizador Karol Radziszweski.

Já na Competição "In My Shorts" de Filmes de Escola Portugueses do Queer Porto 6, contaremos com a presença de Ana Matos (A Dança do Narciso Inseguro), Gonçalo Pina (À Tarde, sob o Sol), Maria João Paiva (De A a D), Ana Manana e Joana Lourenço (Caravagyo).

Conheça melhor os júris e convidades do Queer Lisboa 24 e do Queer Porto 6 aqui.