25 de Setembro
Conversa com Chris McKim e Wendy Olsoff

Um admirável retrato autobiográfico do artista, escritor, fotógrafo e ativista nova-iorquino David Wojnarowicz. Num período em que Nova Iorque se torna no epicentro da epidemia da sida nos anos 80, Wojnarowicz empunha a sua arte como uma arma, declarando guerra à indiferença institucional perante a epidemia, até à sua morte em 1992, com 37 anos. O documentário dá-nos acesso à sua brilhante obra, onde se incluem pinturas, diários e filmes, que nos revelam a forma como o artista esvaziou a sua vida na sua arte e ativismo. As gravações telefónicas e depoimentos íntimos de figuras como Fran Lebowitz, Gracie Mansion, Peter Hujar e outros familiares e amigos, ajudam a traçar um retrato aguçado de um artista cujo trabalho e palavras ainda ressoam nestes tempos turbulentos.
 

O documentário é seguido de uma conversa on-line com o realizador Chris McKim e com Wendy Olsoff - da PPOW, última galería do artista, e quem gere seu legado.

 

/ Mais Informações

  • Cinema São Jorge - Sala 2, 18h00
  • Conversa pre-gravada
  • Falado em inglês

Este site utiliza cookies da Google para disponibilizar os respetivos serviços e para analisar o tráfego. O seu endereço IP e agente do utilizador são partilhados com a Google, bem como o desempenho e a métrica de segurança, para assegurar a qualidade do serviço, gerar as estatísticas de utilização e detetar e resolver abusos de endereço.